Conheça o modelo de comissionamento PCM Comissionamento

GARANTIA DE QUALIDADE E FUNCIONAMENTO

O modelo seguido pela PCM Comissionamento foi introduzido em 2001 pela empresa Norsk Hydro no projeto para expansão da Alunorte, hoje a maior refinaria de aluminia no mundo. Baseado em norma: Z-CR-007, metodologia MC&C da Norsok Standard, foi publicada na Noruega em 1993.

A PCM Comissionamento, através de seu sócio Marco Vaz, foi responsável pelo desenvolvimento e implementação do modelo na Vale, uma das maiores mineradoras do mundo, que em 2009 normatizou a aplicação do modelo de comissionamento em todos os seus projetos.

CONCEITO

O comissionamento antes do modelo eram de responsabilidades dos próprios fornecedores ou montadoras. Onde normalmente na grande maioria não exercem interesses e nem responsabilidades pela integração com os demais fornecedores e projetistas. Indiretamente passam a se beneficiar pelas falhas desta integração, proporcionando uma folga maior para cobrirem dos seus próprios atrasos. Infelizmente estas falhas só eram detectadas durante o comissionamento, já próximos do startup.

O comissionamento foi praticado durante anos, pelos profissionais do ramo de projetos e de construções de empreendimentos industriais, que acabaram adquirindo o habito de considerar sempre os atrasos de obras como normais e já eram sempre esperados por eles.

O modelo de comissionamento MC&C tem o propósito de gerenciar toda conclusão da obra, através de um software específico que organiza e disciplina todo o processo de entrega da montagem e construção, resultando em uma transição suave, segura, com qualidade e transparente para a operação do cliente

COMISSIONAMENTO PARA ENGENHARIA

Certificar de quer as instalações foram executadas conforme o projetado e especificado pela Engenharia.

COMISSIONAMENTO PARA O CLIENTE

Assegurar antes de receber as instalações, totalmente testadas e perfeitamente funcionando.

COMISSIONAMENTO PARA GERENCIAMENTO

Implementação dinâmica (puxar a conclusão da obra) para atender a data de partida da unidade (start-up).

OBJETIVO

A implementação modelo de comissionamento MC&C, seguido pela PCM Comissionamento, tem como objetivo principal:

Assegurar que todas as atividades das etapas do comissionamento serão realizadas, com plena segurança pessoal e dos equipamentos até a data programada do start-up e proporcionar confiabilidade operacional no ramp-up.

Assegurar que o modelo de comissionamento MC&C, juntamente com um software específico organize e discipline todo o processo de entrega da montagem e construção, resultando em uma transição suave, segura, com qualidade e transparente para a operação do cliente.

Proporcionar aos Gerentes de Projetos meios para agir em tempo hábil a tomar decisões gerenciais para recuperação de atrasos pontuais e cenários críticos de construção e montagem e continuar mantendo a data do start-up do empreendimento.

DECISÕES SEMPRE BASEADAS EM ANÁLISES

Clique nos ícones e conheça mais detalhes das etapas do modelo de comissionamento seguido pela PCM Comissionamento.

PLANEJAMENTO DE COMISSIONAMENTO
COMPLETAÇÃO MECÂNICA
PRÉ-COMISSIONAMENTO
COMISSIONAMENTO
OPERAÇÃO ASSISTIDA

Etapa 1 • PLANEJAMENTO DE COMISSIONAMENTO

Plano de Comissionamento

Estratégias para formação dos grupos e contratos para comissionamento;

Definição dos pacotes de comissionamento;

Cronograma dos pacotes de comissionamento;

Organograma e historiograma.

 

Execução: Detalhamento da execução

Demarcação dos Pacotes de Comissionamento;

Cruzamento dos documentos de engenharia/fornecedores e preparação dos escopo dos trabalhos de campo do comissionamento;

Elaboração dos procedimentos de comissionamento dos pacotes;

Programação, acompanhamento e controle da execução das atividades de completação mecânica, pré-comissionamento e comissionamento.

Etapa 2 • COMPLETAÇÃO MECÂNICA

1- Cruzamento dos documentos de engenharia / fornecedores e preparação dos protocolos requeridos para a Completação Mecânica:

Mitigar ou eliminar existência de erros ou discrepâncias entre os dados e informações técnicas com o cruzamento dos documentos de engenharia e fornecedores, na preparação dos protocolos de verificação e testes requeridos de completação mecânica.

Programar e preparar os protocolos X itens tagueados, para as atividades de verificações e testes das etapas de completação mecânica no sistema informatizado de gerenciamento do comissionamento.

 

2- Preparação do escopo dos trabalhos de completação mecânica:

Nesta etapa 100% dos itens tagueados e não tagueados (objetos) de todas as disciplinas devem ser validados pela empresa de Comissionamento, através dos protocolos (check list) de completação mecânica, levantando e classificando as pendências para correção pela montadora, antes da passagem de custodia da construção para o comissionamento.

 

3- Assinatura dos protocolos de completação mecânica:

Todos os itens tagueados e objetos das instalações do projeto deverão ser inspecionados, validados através dos protocolos de verificação e protocolos de registro de testes, assinados por profissionais distintos (03 assinaturas).

 

4- Confirmação da qualidade da montagem

Através dos protocolos de testes e verificações estáticas da construção das instalações, conforme as especificações, normas e desenhos pertinentes do empreendimento.

 

5- Gerenciamento do progresso da conclusão da montagem e pendências:

Com as entregas dos protocolos e pendencias geradas são atualizados no software, permitindo emitir relatórios gerenciais e curvas de tendências.
O índice de acompanhamento gerencial que melhor representa o final do empreendimento são os índices de completação mecânica, conforme PR-G-305 são:

Entrega de protocolos de completação mecânica;
Certificados de transferências de custodia dos pacotes de comissionamento da Construção para o Comissionamento;
Gráfico de pendências.

IMPORTANTE: Pelo modelo MC&C os esforços nas soluções, correções e atitudes proativas devem ser realizados na etapa de completação mecânica, quando de responsabilidade da Construção.

É imprescindível a formação e atuação de uma equipe qualificada de validação dos protocolos de completação mecânica, do grupo de comissionamento.

Esta equipe de completação mecânica deverá ser também responsável pela liberação do handover dos pacotes de comissionamento da construção para o grupo de comissionamento.

Etapa 3 • PRÉ COMISSIONAMENTO

Os testes de pré-comissionamento são realizados com a energização dos itens tagueados e componentes definitivos do projeto, que compreendem: comunicações e configurações do sistema de controle, malhas de controle, intertravamento, motores elétricos desacoplados e unidades hidráulicas ou lubrificação.

Etapa 4 • COMISSIONAMENTO

Os testes de comissionamento são realizados por subsistemas (pacote de comissionamento) definidos como:

TESTES SEM CARGA: testes de subsistemas integrados de comissionamento envolvendo os equipamentos, instrumentos e componentes sem introduzir qualquer tipo de carga (produto).

TESTES COM CARGA: testes de subsistemas integrados de comissionamento introduzindo carga (produto).

Etapa 5 • OPERAÇÃO ASSISTIDA

Profissionais atuando como parte da equipe local do cliente de forma a executar uma determinada atividade e ao mesmo tempo proporcionar a transferência de know-how para a equipe do cliente em relação aos produtos e soluções fornecidos pela PCM Comissionamento, afim de minimizar o risco na implantação de novas tecnologias ao mesmo tempo que é proporcionada a condição para transferência da tecnologia envolvida até que as equipes locais possam reassumir as atividades com sua própria equipe.

loading